Visite Khyber e tenha uma experiência inesquecível

A estrada que vai de Torkham a Peshawar, no Paquistão, atravessa o passo de Khyber, um corredor de 50 km através da cordilheira do Hindu Kush, ligando o Afeganistão ao subcontinente indiano.

O Khyber não fica na fronteira; ainda em território paquistanês, ele serpenteia por vários quilômetros pela serra de Suleiman — é um desfiladeiro longo, sinuoso e árido, e, para muitos viajantes, é fascinante não tanto por sua paisagem, mas pelo seu significado.

Há séculos o desfiladeiro separa e une povos e impérios, representando um divisor de águas entre a Ásia Central e o subcontinente. Basta ver quem foi atraído para o lugar e quem desejou conquistá-lo: de Dario, o Grande, a viajantes budistas, passando por guerreiros citas. Babur guiou seu exército pelo Khyber a caminho de fundar o Império Mogol.

E, ao longo da história, os afegãos usaram o passo para pilhar as riquezas da Índia. Numa terra em que os desfiladeiros são mais estratégicos e importantes do que na maioria dos lugares, nenhum deles oferece tanto apelo histórico: o passo de Khyber está saturado de histórias de honra, hospitalidade e vingança.

Na época do Império Britânico, o Khyber se tornou urna região estratégica. Evidentemente, os britânicos não estavam a fim de permitir que os afegãos tirassem proveito dele, por isso reforçaram o desfiladeiro com fortes, para assegurar que Peshawar e o Khyber permanecessem no seu lado da fronteira.

Mas o passo, por algum motivo, sempre levava a melhor, e os colonialistas precisaram pagar às tribos locais da etnia pashtun para que parassem de atacar os seus comboios.

Ainda hoje, o governo paquistanês controla apenas a rodovia principal — dê um passo para fora do asfalto e estará em território tribal. Aliás, os pashtuns da tribo Afridi construíram uma segunda estrada no desfiladeiro, afastada da rodovia, para manter sem empecilhos sua habitual atividade de contrabando, transportando produtos que vão de aparelhos de DVD a ópio.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of