Sente-se no vagão panorâmico do trem Azul, e observe as estrelas sobre o veldt

O Trem azul é uma evolução da rota ferroviária mantida pela Union Limited e pela Union Express, que funcionou até a Segunda Guerra Mundial.

Originalmente, o glorioso serviço se destinava a permitir viagens confortáveis à Cidade do Cabo, onde ospassageiros apanhavam os barcos1 então em operação para a Inglaterra.

O serviço foi retomado depois da guerra e, em 1998, foi modernizado e relançado como Trem Azul, fazendo duas vezes por semana a viagem Pretória-Cabo.

O Trem Azul cruza cerca de 1.600 km e se apresenta como o mais luxuoso serviço ferroviário do mundo.

Argumentos ele tem: um mordomo para cada três passageiros, e um máximo de 84 passageiros por viagem; um vagão panorâmico com enormes janelas cobrindo quase todo o espaço das paredes; dois vagões com salões de estar; cabines-dormitórios com todas as mordomias, como tapetes e banheiros privativos, lençóis refinados, utensílios de ouro e detalhes em mármore nos banheiros; e, no vagão-restaurante, chefs de primeira categoria.

Dizem que é como um hotel exclusivo sobre rodas, e parte do charme é que você pode ver paisagens incríveis e indomadas sem sujar as unhas nem despentear o cabelo, além de ser mimado o tempo todo pelo seu mordomo (quase) particular.

Outros dizem que é como assistir a um documentário personalizado da natureza, o que também é bastante adequado, pois, de certo modo, trata-se de um turismo virtual, ainda que com mais emoções.

Mas tudo isso é só a cereja do bolo, pois o que realmente enlouquece as pessoas são as paisagens atravessadas pelo trem, como incríveis cachoeiras e a maravilhosa mina de diamante de Kimberley, tudo acompanhado de avestruzes selvagens e outras feras correndo ao lado do seu vagão.

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Notify of